Mai 24

5 DICAS PARA UMA APRESENTAÇÃO COM CONFIANÇA

A preparação de uma apresentação é um dos pontos mais importantes, para que a mesma tenha sucesso e seja impactante.

No entanto, não existem fórmulas mágicas.

É na preparação que deves dedicar a grande maioria do teu tempo, pois facilitará todos os restantes passos. Ajuda-te a diminuir o teu nível de ansiedade e a aumentar os teus níveis de confiança.

Hoje vou falar-te de 5 fatores que deves ter em conta quando preparas uma apresentação, seja para fazer online ou presencialmente:

  1. Porquê. o como e o quê?
  2. A quem se dirige
  3. O local
  4. O momento do dia em que vai acontecer
  5. A duração

1 – PORQUÊ, O COMO E O QUÊ?

Aplicares a teoria do Golden Cycle do porquê, do como e o quê, do Simon Sinek, para preparares a tua apresentação, pode fazer toda a diferença.

“Quando pensas, ages e comunicas iniciando com o porquê, podes inspirar os outros”.

“When you think, act and communicate starting with why, you can inspire others”, Simon Sinek.

Começa sempre por pensar o porquê da apresentação. Só a partir daí estarás preparado para passar para as fases seguintes do como vais fazê-la e o conteúdo que vai utilizar.

2 – A QUEM SE DIRIGE?

Antes de começares a preparar uma apresentação é também imprescindível perceberes a quem se vai dirigir a mesma.

Pode até acontecer que que já tenhas uma apresentação preparada anteriormente, mas se tua audiência for diferente, a mesma deverá ser ajustada.

Falhar este passo pode ser meio caminho andado para o insucesso de uma apresentação. 

Estuda bem a tua audiência.

Se se der o caso de teres de fazer uma apresentação para um grande grupo de pessoas completamente heterógeno, ajusta o teu discurso aos vários tipos de interlocutores para que ambos se sintam identificados, citando exemplos e histórias relevantes para ambos.

Vai colocando questões, para assim ires ajustando o discurso.

 3 – O LOCAL

Hoje em dia a maioria das apresentações são online pelo que aconselho a que se ainda não estás familiarizado com a plataforma onde irá decorrer a mesma, pratica várias vezes antes de o fazeres oficialmente.

Se a apresentação for presencial, de modo que a te possas familiarizar com o local, o ideal será ires ao mesmo, com a devida antecedência e fazer aí alguns treinos.

Se num dos treinos conseguires testar a tua apresentação em frente a outras pessoas será o ideal, pois aí obterás feedback e terás tempo para fazer ajustes à mesma.

Conecta-te com pelo menos 15 minutos de antecedência se apresentação for online, para testares tudo. 

Se for presencial, dependendo se tens de fazer testes de som e luzes, talvez tenhas de chegar com uma hora de antecedência ou mais, dependendo de cada caso.

 

4 – O MOMENTO DO DIA EM QUE VAI ACONTECER

Dependendo do momento do dia em que vais fazer a tua apresentação, terás de utilizar diversas técnicas,  pois existem períodos mais críticos do que outros, em termos do índice de atenção de cada indivíduo, independentemente do tema que vás apresentar.

Manhã

Existem estudos que indicam que as 10 da manhã é uma hora fantástica, pois o nosso cérebro está mais descansado e no auge no que toca a fixar informações.

Tarde

Logo depois de almoço é um período onde o sono aparece com mais  frequência. Estudos demonstram que a partir das 14h00 nos sentimos mais esgotados e incapazes de nos concentrar.

A partir das 16 horas, começa de novo a melhorar.

No final da tarde já surge a preocupação de sair, dos afazeres pessoais e a cabeça começa a estar noutro local que não o da apresentação.

Noite

Fora do horário normal de expediente, é mais provável que as pessoas estejam mais atentas, porque geralmente escolhem estar presentes e não porque são obrigadas.

No entanto, a duração da mesma não deve ser excessiva, pois após um dia de trabalho, a audiência tende a ficar cansada mais rapidamente, se a mesma for demasiado longa.

 

5 – A DURAÇÃO

As pessoas têm dificuldade em se concentrar por longos períodos de tempo, seja online, seja presencialmente.

Formações online, não devem ultrapassar as 2h/3h caso sejam práticas

Palestras e Masterclass online, não devem  durar mais do que 1h/1h30.

Faz pausas a cada 45 minutos, mesmo que pequenas.

 

Comunicar com Confiança, é uma habilidade que se treina.

 

Teresa Rosalino